Como quem vai à esquina

[h4]Apaixonada por escrever, fotografar e se curtir as praças públicas, a argentina Cecília Leal viajou sozinha por cinco meses e meio pela América Latina. Visitou o Brasil, a Colômbia, o Equador, Venezuela, Peru e Bolívia. Contando, parece que foi ali e voltou.[/h4] Carina Couto, Vinícius Eulálio, Victoria Varejão – As promessas de fim de ano da…

Congo, resistência em forma de arte

[h4]Festa de São Benedito é uma das representações da cultura negra no Estado com abrangência no litoral capixaba, de Anchieta a Linhares[/h4] Astrid Malacarne – Em 1856, 25 escravos vindos da África se salvaram do naufrágio do navio Palermo no litoral de Nova Almeida, na Serra, agarrando-se ao mastro que tinha a imagem de São…

Surfe de Sofá: um jeito diferente de viajar

[h4]O projeto que busca compartilhar a hospedagem pelo mundo, vai  muito além do que proporcionar apenas um período de férias. O Couchsurfing é uma boa forma para ampliar valores culturais[/h4] por Carina Couto e Vinícius Eulálio A ideia é simples: hospedar gratuitamente pessoas completamente desconhecidas em sua casa oferecendo um quarto, colchão ou até mesmo um sofá. Pode parecer estranho no…

Grupo de Dança resgata cultura italiana em Marechal Floriano

(Karla Danielle Secatto e Lila Nascimento) Em maio de 2005, foi criado, no distrito de Araguaia, em Marechal Floriano, o grupo de Dança Folclórica Italiana Granelli dei Monti, com o objetivo que é mais do que divulgar e preservar a cultura italiana. “A ideia vai além da divulgação da cultura dos nossos antepassados, também queremos…

Mais do que história a contar

(João Carlos Fraga, Reuber Diir e Will Morais) “Eu adoro ser monitor, porque conhecemos várias culturas, pessoas do Brasil e do mundo, de várias regiões, palavras novas, conceitos novos”. Esse é o relato do jovem Marciano Degásperi de Jesus, monitor do Projeto Visitar. A iniciativa é resultado da união entre a Prefeitura de Vitória e…

Igrejas da Capital: fortes militares, rivalidade e lugares de fé

(João Carlos Fraga, Reuber Diir e Will Morais) Aprofundando-se nas histórias das igrejas do centro de Vitória, encontramos informações surpreendentes, que demonstram características sociais, militares e econômicas da capital do Espírito Santo no Brasil Colônia. Naquela época colonial, igrejas eram lugares de grande relevância social. Cada uma frequentada por classes específicas, e, como consequência, com…

Centro de Vitória: viagem entre símbolos da capital

(João Carlos Fraga, Reuber Diir e Will Morais) Entre prédios no centro de Vitória, escondem-se construções centenárias. Através delas, erguidas durante o Brasil colônia e nos períodos subsequentes, a Ilha do Mel conta, pouco a pouco, o seu passado. São antigos casarios, fortes, praças e escadarias que ainda persistem em meio a altos e modernos…