Share Button

Por Leonardo Ogioni, Mariana dos Anjos e Olga Samara

O segundo dia da XI Conferência Brasileira de Mídia Cidadã começou com o primeiro painel “Mídias e Cidadania”, que ocorreu no auditório do Cemuni IV. O evento contou com a presença dos professores Venício Lima, ex-professor titular de comunicação da Universidade de Brasília (UnB), Cicília Peruzzo, professora do de pós-graduação na Universidade Metodista de São Paulo e Fernando Paulio, diretor da Faculdade de Comunicação da UnB que participou pelo Skype, sob a mediação da professora Nazareth Pirola, da Ufes.

O Professor Venício Lima abriu o painel com um alerta sobre o cenário político que o país vive atualmente e afirmou que “precisamos lutar para não cairmos em um estado de exceção” e criticou também a presença da religião no neoliberalismo no qual vivemos hoje. Segundo ele, a influência de algumas religiões faz com que o indivíduo acredite que o sucesso ou o fracasso está totalmente atribuído ao seu esforço, fazendo com que as pessoas fiquem presas a um modo de vida, chamado por Max Weber de “Gaiola de Ferro”.

Cicília Peruzzo iniciou sua contribuição explicando o conceito de cidadania a partir dos princípios de liberdade e igualdade. A professora reconheceu a internet e as redes sociais como ferramentas importantes de mídias alternativas e comunitárias e complementou falando sobre a necessidade de se criar uma defensoria do público: “As mídias respeitam o direito dos receptores e das fontes? O público tem direitos que estão acima dos interesses mercadológicos”.

CvDIupsXgAAbTgB.jpg large

As perguntas da platéia encerraram o painel, nas quais os convidados abordaram os temas comunicação e saúde pública, religião e neoliberalismo, e o debate foi instigado pelo professor Edgard Rebouças, que levantou questionamento sobre os meios públicos de comunicação – EBC.  O tom de manifesto prevaleceu no fim do evento, com a declaração do professor Venício “Tenho zero esperanças sobre esse governo neoliberalista, inclusive os meios públicos nem deveriam existir para eles”.

 

Confira o livestream do evento: http://youtu.be/X1D7ICtnil0

 

Video 1 -

Venicio respondeu sobre o papel da mídia como uma educadora coletiva. #midiacidada pic.twitter.com/iIrhrBcrdZ

— Universo Ufes (@Universo_Ufes) 18 de outubro de 2016

Video 2 -

Democratização da mídia também foi um dos pontos abordados no primeiro painel do #midiacidada e Venicio falou mais sobre isso em entrevista pic.twitter.com/jrIE8nlGVZ

— Universo Ufes (@Universo_Ufes) 18 de outubro de 2016

Video 3 -

Cicilia explica melhor sobre a falta de debate relacionado a comunicação popular. #midiacidada pic.twitter.com/AJpyWhb76g

— Universo Ufes (@Universo_Ufes) 18 de outubro de 2016

Video 4 -

Com outro tema importante, Cicilia fala mais sobre a inserção da comunicação popular nas escolas e se a mesma se encontra ameaçada. pic.twitter.com/wSGMsv2EMw

— Universo Ufes (@Universo_Ufes) 18 de outubro de 2016

Video 5 -

E aí Venicio, você acha que o neoliberalismo é um empecilho? #midiacidada pic.twitter.com/OMW9CWbTKx

— Universo Ufes (@Universo_Ufes) 18 de outubro de 2016

Share Button

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>