Share Button

Manifestantes voltam às ruas do Espírito Santo depois que os deputados estaduais votaram por arquivar projeto de decreto legislativo que tinha o objetivo de colocar fim à cobrança do pedágio da Terceira Ponte, a principal ligação da Capital com o município de Vila Velha.

Pelo menos duas manifestações estão sendo articuladas, através das redes sociais, para acontecer nesta sexta-feira (19), em Vitória. Os movimentos acontecem em dois turnos. O primeiro protesto do dia está marcado para sair da Assembleia Legislativa do Estado às 7h, passando pelo Tribunal de Contas, praça do pedágio da Terceira Ponte até o Palácio Anchieta, sede do Poder Executivo. Mais de 4,3 mil pessoas já confirmaram presença na manifestação.

Denominado de “QUINTO GRANDE ATO – Não é por centavos. É por respeito à população capixaba”, o texto do evento no Facebook diz que o ato é pelo “fim do pedágio, não criminalização dos movimentos sociais, desmilitarização da polícia e fim da corrupção”. A concentração será a partir das 6h na sede do Legislativo.

“Nas últimas semanas vimos incontáveis demonstrações de desrespeito a nós cidadãos capixabas. 15 deputados deixaram de ir trabalhar por 3 sessões consecutivas, se reuniram em um hotel de luxo em meio a uma das sessões e ainda votaram contra a vontade da população. Nós, capixabas cidadãos, não aguentamos mais tanto desrespeito! Vamos mais uma vez às ruas mostrar que, diante de tamanha revolta, acordamos para a realidade (…)”, diz o comunicado.

Ainda nesta sexta-feira, a partir das 18h30 está prevista uma marcha pela educação, partindo da Praça do Papa até a Secretaria de Estado da Educação (Sedu), na Praia do Suá, em Vitória. O trajeto não foi informado. A concentração começa a partir das 15h30.

Share Button

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *